quinta-feira, 14 de Fevereiro de 2013

Acesso ao Ensino Superior de Música em Portugal

Informamos a todos os interessados da existência de um endereço eletrónico para que possam solicitar informações relativamente a acesso ao ensino superior de música em Portugal. Estas informações constituem atualizações às ações de esclarecimento realizadas em anos letivos anteriores.

A caixa de correio é administrada pela professora Ana Margarida Gaipo.
e-mail: gabinete.ensino.superior.crpd@mail.com

segunda-feira, 16 de Abril de 2012

Música Contemporânea - Eletrónica

Estarão abertas até próximo dia 20 de Abril inscrições para o seminário com o tema "Música Contemporânea-Eletrónica". Esta atividade é gratuita e aberta a todos os interessados.

As fichas de inscrição deverão ser solicitadas e entregues na portaria do Conservatório Regional de Ponta Delgada.


segunda-feira, 13 de Fevereiro de 2012

SECRETARIA REGIONAL DA EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO
DIREÇÃO REGIONAL DA EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO
CONSERVATÓRIO REGIONAL DE PONTA DELGADA

Regulamento das provas de seleção para os cursos curriculares Iniciação e Básico
Ano letivo 2012/2013
31 janeiro 2012

1.º
1. O presente regulamento das provas de seleção para o Conservatório Regional de Ponta Delgada, regulamenta as provas especialmente adequadas, destinadas à admissão para a frequência do ensino artístico nesta escola.
2. Este regulamento aplica-se aos candidatos que pretendam ingressar no ano letivo de 2012/2013.

2.º
Condições para requerer a inscrição
1. Podem inscrever-se para a realização das provas todos os candidatos que irão frequentar no ano letivo 2012/2013 a escolaridade compreendida entre o 1º e o 7º ano.
2. Os candidatos que, tendo realizado as provas de seleção para este Conservatório, não ingressarem na escolaridade obrigatória no ano letivo para o qual efectuam as provas, não poderão matricular-se no Conservatório e o resultado da prova perderá validade.

3.º
Inscrição
1. A inscrição para a realização das provas é apresentada junto dos serviços administrativos do Conservatório de Ponta Delgada, sito na Rua Ernesto do Canto 1 A.
2. A inscrição será efetuada mediante o preenchimento de uma inscrição provisória, em modelo próprio fornecido pela Secretaria.
3. No ato da inscrição o candidato deverá indicar o instrumento de eleição ou poderá indicar até 4 instrumentos por ordem de preferência. A ordem indicada será determinante para efeitos de ordenação mediante os resultados da prova de aptidão musical.
4. O Conservatório Regional de Ponta Delgada organiza anualmente ateliers de instrumentos destinados à apresentação da sua diversificada oferta instrumental. A frequência destes ateliers não é obrigatória, não havendo uma apreciação ou avaliação neles implícitas.
4.º
Prazo de inscrição e calendário de realização das provas
1. O prazo de inscrição e o calendário geral de realização das provas é definido, após aprovação do conselho pedagógico, no Conservatório Regional de Ponta Delgada, sendo igualmente divulgado nas escolas do ensino genérico e publicado no blogue http://crpd2011.blogspot.com
2. O calendário abrange todas as ações relacionadas com as provas, incluindo os intervalos dentro dos quais devem ser fixados os prazos cuja determinação seja da competência da comissão das provas de admissão previstos neste regulamento.
3. Os candidatos deverão tomar conhecimento do calendário das provas e respectivos resultados no ato de inscrição.

5.º
Componentes da avaliação da candidatura
1. A seleção para ingresso no Conservatório Regional de Ponta Delgada integra a realização de provas práticas de apreciação da aptidão musical.

6.º
Periodicidade
1. As provas são realizadas anualmente, sendo o seu resultado apenas válido para o ano letivo a que se destinam.

7.º
Constituição e competências do júri
1. O júri das provas é composto por 5 elementos, designados pelo conselho executivo, de entre os docentes do Conservatório Regional de Ponta Delgada.
2. A organização interna e funcionamento do júri são da competência deste.
3. À comissão de provas compete:
a) Organizar as provas;
b) Elaborar as provas práticas de avaliação de conhecimentos e supervisionar a sua classificação;
c) Elaborar a lista ordenada de classificação final dos candidatos;

8.º
Provas teóricas e/ou práticas de apreciação da aptidão musical
1. Nos termos do n.º 1, do artigo 5º do presente regulamento, todos os candidatos deverão comparecer a duas sessões de aula que decorrerão ao longo de uma semana distanciados por um máximo de 5 dias.
2. As provas práticas de apreciação da aptidão musical são efetuadas a partir de situações reais de aula de forma a avaliar o potencial de aprendizagem bem como o potencial de sucesso na aprendizagem.
3. As provas práticas de apreciação da aptidão musical são compostas pelos seguintes conteúdos:
a) jogos de reproduções rítmicas;
b) jogos de reproduções melódicas;
c) aprendizagem da noção de pulsação;
d) aprendizagem da noção de divisão;
e) aprendizagem da noção de tónica;
f) aprendizagem da noção de cadência;
g) aprendizagem de uma canção;
h) são igualmente avaliados a evolução da aprendizagem feita nas duas sessões, o comportamento, motivação e interesse.
4. As provas teóricas e/ou práticas de avaliação de conhecimentos têm apenas uma época e uma chamada.
5. Os locais, datas e horas de realização das provas serão dados a conhecer no ato de inscrição.
6. Cada uma das sessões das provas tem a duração máxima de 60 minutos.
7. Cada grupo será constituído por um máximo de 9 alunos.
8. No caso do candidato não poder comparecer por motivo de força maior, o seu encarregado de educação deverá comunicar o fato ao Conservatório antes da sessão ou sessões agendadas para o seu educando, para que a escola possa colocar o candidato noutro momento de avaliação. Não serão considerados pedidos feitos após a realização da prova agendada.
9. A não comparência a uma ou ambas sessões resultará da não admissão do candidato para o ano letivo a que se candidata.

Vagas
1. O número de vagas disponíveis para o ano letivo 2012/13 será apurado após as renovações de matrículas dos alunos do Conservatório e colocações dos candidatos que realizaram provas de conhecimentos, pelo que apenas poderá ser divulgado na primeira quinzena do mês de julho de 2012.

10.º
Classificação final do candidato
1. Os resultados das provas de aptidão serão apresentados em listas ordenadas de acordo com os resultados da sua apreciação utilizando a escala de valores de 0 – 20 e traduzida por:
- candidatos admitidos (com resultados superiores ou iguais a 10 valores),
- candidatos não admitidos (com resultados inferiores a 10 valores)
2. A admissão ao Conservatório será condicionada pelo número de vagas disponíveis para os instrumentos que o candidato escolheu, tendo em conta a apreciação da sua prova de aptidão.
3. A lista ordenada dos alunos admitidos é elaborada após o cruzamento dos resultados da prova de aptidão musical com as opções de instrumentos indicadas pelos candidatos.
4. Os candidatos que forem admitidos deverão efectuar a sua matrícula dentro do prazo afixado previamente para o efeito.
5. Os candidatos admitidos que não tiverem vaga na altura da afixação dos resultados das provas, poderão aguardar a sua possível colocação até 31 de outubro do ano letivo 2012/13, sendo solicitados no momento em que tal suceder pelo Conservatório podendo realizar a matrícula no prazo então indicado.
6. A colocação dos candidatos que aguardam vaga segue o mesmo procedimento indicado nos pontos 2 e 3 deste artigo.
7. Os candidatos admitidos que não obtiverem vaga até 31 de outubro não poderão matricular-se para o ano letivo 2012/13 e o resultado da sua prova perderá efeito para fins de admissão. Caso estes pretendam ingressar no Conservatório Regional de Ponta Delgada nos anos seguintes, deverão candidatar-se e efectuar provas novamente.
8. Os candidatos não admitidos não poderão matricular-se para o ano que realizaram as provas, podendo candidatar-se no ano seguinte para as mesmas provas, caso assim o entendam.

11º
Reapreciação
1. A decisão do júri é soberana não havendo lugar a recurso da sua apreciação.

12.º
Validade
1. A aprovação nas provas é válida para a candidatura à matrícula no Conservatório Regional de Ponta Delgada apenas para o ano letivo em que foi realizado.

quinta-feira, 19 de Janeiro de 2012

Plano de Atividades (Março)

Dia 5
Audição do grupo disciplinar de técnica vocal (alunos mais novos) das professoras Brígida Ferreira, Cármen Subica e Raquel Ramos, na sala Margarida Magalhães de Sousa, às 19h30.

Dia 8
Audição do grupo disciplinar de violoncelos, das professoras Ana Vilela, Svitlana Chernous e Teresa Carvalho, na sala de professores às 18h30.
Audição do grupo disciplinar de técnica vocal (alunos avançados), das professoras Brígida Ferreira, Cármen Subica e Raquel Ramos, na sala Margarida Magalhães de Sousa, às 19h30.

Dia 15 a 17
Festival de Coros e Orquestras (programa em elaboração). Concerto final no Coliseu Micaelense às 20h30.

Dia 19
Audição de família dos professores Mafalda Leite e Vasco Chamusco às 18h30 (local a confirmar).

Dia 22
Audição da classe de piano, do professor professor Tiago Dias, na sala Margarida Magalhães de Sousa às 18h30.

Dia 24 a 1 de abril
XI Estágio de Oj.com no Conservatório de Música de Aveiro de Calouste Gulbenkian.

Dia 26
“Música entre livros” – momento musical na Biblioteca Municipal, às 14h15.

Dia 29
Audição de Páscoa.

Plano de Atividades (Fevereiro)

Dia 1
Cantar às Estrelas junto à Câmara Municipal de Ponta Delgada, às 18h30. Participação do Coro Infantil e Conjunto de Violas da Terra.

Dia 4
Lançamento do CD “Origens”, de Rafael Carvalho, no Auditório Luís de Camões às 20h00. Colaboração dos alunos de Tecnologias da Música e Oficina de Som do Conservatório Regional de Ponta Delgada.

Dia 7
Audição geral na sala Margarida Magalhães de Sousa, às 18h30.
Audição dos alunos de 5º grau e complementar na sala Margarida Magalhães de Sousa, às 19h30.

Dia 13
“Música entre livros” – momento musical na Biblioteca Municipal, às 14h15.
Audição de Carnaval dos professores Mafalda Leite e Vasco Chamusco no Auditório Luís de Camões, às 18h30.

Dia 14
Audição geral na sala Margarida Magalhães de Sousa, às 18h30.
Audição de alunos do 5º grau e complementar na sala Margarida Magalhães de Sousa, às 19h30.

Dia 17
Audição de alunos do 5º grau e complementar, incluindo a prova para o concurso Jovem.COM, na sala Margarida Magalhães de Sousa.
Audição de Carnaval no Auditório Luís de Camões.

Dias 25 e 26
Workshop de Violas de Terra – Orquestra de Violas de Terra 2012, no Teatro Micaelense. Colaboração dos alunos de Tecnologias da Música e Oficina de Som. Concerto final, com a participação do Coro Infantil do Conservatório, no dia 26 às 17h00.

terça-feira, 3 de Janeiro de 2012

Plano de Atividades (Janeiro)

Dia 8
Concerto de Reis do Quinteto de Cordas do CRPD, Vivace Ensemble, na Igreja Paroquial de Santa Clara.


De 9 a 14
Workshop de Expressão Dramática e Musical no Auditório Luís de Camões, para alunos de iniciação e 1º grau. Audição de encerramento no dia 14.


De 9 a 15
Workshop de Música Antiga – Ópera Orfeu de C. Monteverdi – com os professores António Carrilho e Rafael Bonavita no Teatro Micaelense. Concerto de encerramento no dia 15.


Dia 17
Audição dos alunos de 5º grau e complementar na sala Margarida Magalhães de Sousa e Concurso Jovem.COM escalão D.


Dia 23
“Música entre livros” – momento musical na Biblioteca Municipal integrado no protocolo do Espaço Cultural da Graça, que engloba as atividades do Conservatório, da Academia das Artes, da Biblioteca Municipal e do Mercado da Graça.


Dia 24
Audição geral na sala Margarida Magalhães de Sousa, às 18h30.
Audição dos alunos de 5º grau e complementar na sala Margarida Magalhães de Sousa, às 19h30.



Dia 30
Concerto de abertura de Comemoração do Ano Internacional de “Envelhecimento Ativo e Solidariedade Intergeracional” na Universidade dos Açores, às 17h30. Participação do Coro Infantil, Conjunto de Violas de Terra e o Coro da Universidade dos Açores “Vozes ao Entardecer”.


Dia 31
Audição geral na sala Margarida Magalhães de Sousa, às 18h30.